sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Você sabe o que difere uma ciclofaixa de uma ciclovia? Confira a resposta

Publicada em 06/11/2014 16:17:18

Muitos moradores de Salvador têm se queixado à Superintendência de Trânsito e Transporte de Salvador (Transalvador) sobre a falta de esclarecimento em relação aos tipos de circuitos cicloviários e sua utilização.
A Prefeitura da capital, assim como em outras cidades baianas, tem investido na expansão dos trajetos voltados aos ciclistas. Atualmente já são 12 ciclovias e 9 ciclofaixas, somando mais de 50 quilômetros de circuito cicloviário.
A demanda de ciclistas apresenta um crescimento expressivo, e o objetivo do Governo Municipal é chegar aos 350 quilômetros nos próximos anos.
Junto à expansão das ciclovias e ciclofaixas, campanhas educativas estão sendo realizadas para conscientizar e esclarecer pedestres, motoristas e ciclistas. Porém, a confusão sobre as diferenças e regras de cada um dos trajetos ainda é grande. Confira as características de ambos e fique atento:
Ciclovias
As ciclovias são espaços reservados permanentemente para o tráfego de bicicletas. Esses trajetos são separados das demais pistas comuns, com meio-fio, muretas, grades ou qualquer tipo de barreira física. No chão, a sinalização desses locais se dá com pinturas vermelhas e desenhos de bicicletas.
Normalmente os usuários dessas vias são aqueles que optam pela bicicleta como principal meio de transporte diário. Muitas dessas ciclovias ficam em vias expressas, por isso é importante usar toda a proteção necessária eescolher uma boa bicicleta.
Ciclofaixas
Nas ciclofaixas, a principal diferença é a que a exclusividade do tráfego de bicicletas funciona em apenas alguns horários do dia, normalmente aqueles com menos movimento de carros. Em Salvador, o uso é reservado aos atletas das 4h às 6h da manhã, e também nos finais de semana. Nos demais horários o tráfego de carros é livre.
A sinalização é feita apenas no chão, também pintada de vermelho, mas o desenho da bicicleta vem acompanhado de setas. Essas vias normalmente são usadas por atletas profissionais, que aproveitam os períodos vazios para treinar em altas velocidades.
Vale lembrar que, independentemente das ciclovias e ciclofaixas, o Código Brasileiro de Trânsito também regulamenta a presença de ciclistas nas demais vias e prevê o compartilhamento de qualquer ruas entre as bicicletas e os demais veículos, sendo que elas devem seguir mas mesmas regras dos carros e têm preferência, por serem mais frágeis.
Além disso, os veículos automotores não podem pressionar as bicicletas e nem colocar em risco a integridade física dos ciclistas. Assim como as bicicletas têm prioridade em relação aos veículos automotores, os pedestres têm prioridade diante dos ciclistas, seguindo o conceito de preservar a vida e favorecer o meio supostamente mais frágil.
http://www.tribunadabahia.com.br/2014/11/06/voce-sabe-que-difere-uma-ciclofaixa-de-uma-ciclovia-confira-resposta

Nenhum comentário: