quinta-feira, 3 de julho de 2014

Meios de transporte gratuitos facilitam acesso escolar no Pará

Educação básica

Bicicletas e lanchas são utilizadas para se chegar às escolas localizadas em regiões de difícil acesso
Publicado01/07/2014 14:37Última modificação01/07/2014 14:37
Os estudantes do Liceu Escola Mestre Raimundo Cardoso, em Icoaraci, Belém (PA) estão experimentando um novo meio de transporte para ir até a escola. As bicicletas, disponibilizadas pelo programa de renovação de frota escolar, além de mais econômicas, são eficazes para se chegar ao destino com maior rapidez. 
O estudante Jadson Eduardo dos Santos Braga, 14 anos, sai cedinho de casa para ir à escola. Antes ele levava 15 minutos para ir a pé, hoje ele demora no máximo cinco minutos. “Ir de bicicleta é muito mais divertido”, diz o estudante. No caminho de volta, a bicicleta ajuda a pegar menos sol – e a chegar mais cedo para o almoço.
Em outro ponto da capital do Pará, no bairro de Mosqueiro, as bicicletas amarelas do programa também são muito populares. Lá, funciona a Escola Angelus Nascimento, de educação infantil e ensino fundamental, que recebeu 155 bicicletas, para alunos a partir de 12 anos.
“Temos ônibus e bicicletas para fazer o transporte dos alunos. Eles podem escolher”, conta a diretora da escola, Cleyde Kelly Ramos. 
Acesso escolar
Nas regiões ribeirinhas de Belém do Pará, outra alternativa utilizada pelos estudantes para se chegar à escola é por meio das lanchas disponibilizadas pelo programa de renovação de frotas escolares
As águas dos rios variam de acordo com as fases da lua, as chuvas e as épocas do ano, alterando correntezas, inundando ou secando ilhas, provendo camarão, impedindo ou dificultando viagens. Em meio a uma natureza tão expressiva, é preciso aprender a conviver com essas variações. 

“Com as lanchas do programa, os trajetos passaram a ser feitos mais rapidamente, em menos da metade do tempo”, conta a coordenadora de educação das Ilhas de Belém, Iraneide Holanda. 

Nenhum comentário: