sexta-feira, 25 de julho de 2014

"Gordinho sensação" de 162kg vira exemplo ao concluir prova de ciclismo

FONTE:http://globoesporte.globo.com/pi/noticia/2014/07/gordinho-sensacao-de-162kg-vira-exemplo-ao-concluir-prova-de-ciclismo.html

Assis aumentou 100kg em quatro anos devido ao sedentarismo. Ao conhecer as bikes, empresário se transforma em atleta e peso não é obstáculo: "Esporte é minha válvula"

Assis, Gordinho Sensação do ciclismo (Foto: Josiel Martins)Assis recebe aplausos do público ao completar 18km (Foto: Josiel Martins)
Por Teresina
Na linha de chegada do Parnabike, etapa do Campeonato Piauiense de Ciclismo de Mountain Bike, uma cena ficou guardada na memória do empresário Assis Júnior: os aplausos dos espectadores. Pesando 162kg, o atleta conseguiu completar o percurso da categoria turismo, voltada a competidores para a prática do ecoturismo. Foram 18km de trilha, mas que para Assis representaram muito mais. A sua disposição rendeu o título de “gordinho sensação” da competição.  
Assis, Gordinho Sensação do ciclismo (Foto: Josiel Martins)Assis, ao lado do seu professor de ciclismo, comemora resultado (Foto: Josiel Martins)
Adepto da prática do ciclismo há apenas três meses, Assis conheceu a modalidade após participar de um pedal noturno, evento esportivo que percorre pelas ruas de Teresina, Piauí. Gostou da magrela bicicleta e nunca mais a largou. O objetivo era encontrar uma alternativa no esporte para o aumento do peso. Em quatro anos, foram 100kg a mais devido ao sedentarismo, fruto da vida corrida do mundo dos negócios. 
- Era uma vida louca, de muita agitação. O ciclismo foi uma válvula do esporte para isso – resume.    
A primeira competição de Assis foi em União, interior do Piauí. Surpreso com a quinta colocação, resolveu se arriscar em uma nova empreitada, desta vez em Parnaíba, litoral do estado. Aos 33 anos de idade, ele narra como foram os sufocantes quilômetros da competição.  
Os 162kg não pesam para Assis. A rotina do empresário tem exercícios na academia e, claro, não poderia faltar a paixão pelo ciclismo: ele percorre 40km, distância entre as cidades de Altos e Teresina. Exemplo que agora tem metas: ser o "rei" da categoria turismo no estado.  - Foi uma trilha muito difícil, 18km que pareciam 40km, 60km... Os trechos de areia exigiram bem mais, porém não desisti. Continuei, apesar do cansaço – lembra.  
- O ciclismo me deu uma paz. A galera que participa das competições me dão uma tranquilidade e calma. Para se ter uma ideia, nunca mais tive um pico de pressão. Mesmo não tendo condições físicas ideais, faço isso para superar. É desgastante, mas tranquilo. É doído, mas algo sobrenatural, com muitos benefícios. Agora é buscar ser o melhor a cada dia.
Assis, Gordinho Sensação do ciclismo (Foto: Josiel Martins)
Superação: sozinho, Assis durante as trilhas do campeonato: "Trechos de areia foram complicados" (Foto: Josiel Martins)

Nenhum comentário: