quarta-feira, 28 de maio de 2014

Repórteres comentam os desafios do bikejornalismo nas ruas do Brasil

Lucas Carvalho* 27/05/2014 15:45

Sustentabilidade, preservação do meio ambiente, mobilidade urbana, saúde e bem-estar são alguns dos temas comuns quando o assunto é bicicleta. A paixão pelas “magrelas” não cria somente atletas e cicloativistas no Brasil, mas também uma modalidade alternativa de reportagem: o bikejornalismo.

Crédito:Reprodução/Facebook
Arturo Alcorta
Arturo Alcorta é considerado o primeiro bikerrepórter do país. Hoje ele administra o projeto “Escola de Bicicleta”, que ensina crianças e adultos a pedalar e ainda busca formar pessoas fluentes no assunto, em todos os seus aspectos. Em 1998, ele atuava como comentarista de trânsito pela rádio Eldorado quando surgiu a ideia de trabalhar sobre duas rodas.

“Teve um dia que estava muito nublado em São Paulo, as nuvens estavam muito baixas. Eu sabia que o helicóptero não sairia. A minha ideia foi chegar na rádio e propor para eles: quando os helicópteros não saírem, eu saio de bicicleta para fazer trânsito. Porque eu sabia da eficiência e da rapidez na bicicleta nas ruas. Acabou dando certo”, conta.

Crédito:Reprodução/Facebook
Felipe Aragonez

O projeto acabou se tornando um quadro especial da emissora, que sobreviveu até 2001 e teve algumas reprises anos mais tarde. Felipe Aragonez foi um dos jornalistas que participou do projeto na época, e hoje ainda fala sobre bicicletas em seu blog no portal “Bike é Legal”, da ESPN.

“É uma prática muito interessante. Enxergar a cidade em cima de uma bicicleta é ter outra visão sobre o mundo no qual você vive. Estamos conectados com a cidade e conseguimos entender os problemas e enxergar melhor as qualidades da cidade”, diz o jornalista.

Inserir o debate sobre o valor da bicicleta na imprensa passou também a ser a principal motivação do fotojornalista Roberto Furtado. Criador do blog “Bikes do Andarilho”, o repórter atua pela Revista Bicicleta e pela Federação Gaúcha de Ciclismo, em Porto Alegre (RS).

“Eu tenho uma relação bastante pessoal com a bicicleta desde o início da década de 1990. […] Depois da faculdade, eu já fotografava e me interessava por escrever. Comecei a perceber que havia uma tendência para o futuro de a bicicleta ganhar uma importância maior como veículo, estilo de vida… Envolvendo uma série de questões, inclusive sociais”, afirma o fotógrafo.

A importância do debate

Quem trabalha sobre duas rodas concorda: a grande imprensa e o público não oferecem espaço suficiente para essa discussão. Segundo Furtado, os bikerrepórteres chegam a ser vítima de preconceito pelas próprias fontes de informação.

Crédito:Nícolas Kasprzak
Roberto Furtado
“O maior desafio para os jornalistas de bicicleta hoje em dia é mostrar para as pessoas a importância da bike. […] Não é só uma estrutura com rodas. É uma questão comportamental, uma questão de reflexão”, afirma.

Para Alcorta, o tratamento da imprensa ao tema é “péssimo”. “A maioria dos jornalistas trata o tema com uma visão de motorista. Aí começa uma distorção imensa. Eles partem de um princípio que não é correto, pelo menos não da forma como é posto, de que a bicicleta é um veículo perigoso. […] Infelizmente, apesar de a questão do trânsito no Brasil ser um assunto de extrema importância, a gente não tem uma imprensa especializada no assunto.”

Aragonez finaliza dizendo que é papel dos próprios bikerrepórteres trabalhar para inserir a discussão na sociedade, sem perder a isenção de opinião inerente ao jornalismo. “O desafio é separar o lado ativista do lado de repórter. Devemos ser imparciais para falar sobre o tema de mobilidade urbana, mas saber dosar para não ficar com a veia ativista. Sempre temos que atingir todos os públicos, falar com todos.”

“O mais importante é inserir a bicicleta numa discussão que vai além do lazer. A bicicleta é um meio de transporte e deve ser tratado como tal. Por isso é importante levantar discussões nas pessoas de que o ciclista deve ser respeitado e ter segurança para pedalar”, finaliza Aragonez.

* Com supervisão de Vanessa Gonçalves
http://www.portalimprensa.com.br/noticias/brasil/65984/reporteres+comentam+os+desafios+do+bikejornalismo+no+brasil

Nenhum comentário: