quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Ciclista que percorre as 12 sedes da Copa chega a BH

Britânico abandonou o emprego de gerente contábil para girar pelo Brasil; ele aproveita a visibilidade para pedir doação a projetos ligados ao esporte

PUBLICADO EM 24/02/14 - 20h42
Pedalar quase 9.000 km durante cinco meses pelas 12 cidades da Copa do Mundo. Parece loucura, mas a aventura do ciclista britânico Andy Smith já ultrapassa os 35% de êxito. No fim da tarde desta segunda-feira, ele chegou a Belo Horizonte – a quinta sede – e foi recebido pela veterinária Jane Moreira, que será sua anfitriã na capital mineira.

Depois de passar por Porto Alegre, Curitiba, São Paulo e Rio, e conhecer obras e estádios, alguns prontos, outros não, Smith fará um tour cultural por BH nesta terça-feira e vai visitar o Mineirão na quarta, junto com o embaixador do Reino Unido no Brasil, Alex Ellis.
Por ironia, o ciclista chegou à capital em dia de greve do transporte coletivo. “Parece ótimo aqui, até agora. Curti andar na pista de ônibus sem perceber que estava vazio por causa de uma greve”, ressaltou.
Para encarar o desafio e realizar o sonho de conhecer o Brasil, Smith, de 35 anos, abandonou o emprego de gerente contábil em Londres. A viagem é financiada por ele próprio, mas conta também com a generosidade de brasileiros, que lhe darão cama e comida ao longo do trajeto.
“O Brasil é uma fascinante mistura de culturas e uma bela geografia, além do futebol. Pedi demissão do meu emprego e não sei ao certo o que vou fazer quando voltar”, pondera Smith. Para conseguir hospedagens de graça, ele se cadastrou no sitedo projeto CouchSurfing (www.couchsurfing.org) que, em 2012, atingiu a marca de 1 milhão de membros em mais 180 países.
O britânico aproveita a visibilidade da proeza para pedir doações para projetos sociais ligados ao esporte, o Laureus Sport For Good Foundation e o WFC’s Community Sport and Education Trust (para doar, acesse o site de Smith www.smudgersambacycle.org).
A empreitada de Andy Smith começou em Porto Alegre, no dia 18 de janeiro. Um mês depois ele já estava no Maracanã, palco da final da Copa. Por Minas Gerais, ele passou por Juiz de Fora, Barbacena e Ouro Preto, antes de chegar à capital. A aventura só vai terminar em Manaus, dia 12 de junho, dois dia antes do jogo entre Inglaterra e Alemanha, na Arena Amazonas, no dia 14.
http://www.otempo.com.br/superfc/ciclista-que-percorre-as-12-sedes-da-copa-chega-a-bh-1.794198

Nenhum comentário: