segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Os cuidados para evitar a desidratação durante as pedaladas

Beber muita água e comer frutas são algumas das recomendações para um verão sem surpresas. Grupos noturnos são opção.

Myrela Moura - Diario de Pernambuco
Publicação: 15/01/2014 15:34 Atualização: 15/01/2014 15:49

Para se proteger dos efeitos do sol, o funcionário público Luís Márcio Pereira usa vários acessórios e protetores. Foto: Edvaldo Rodrigues/ DP/ D.A Press
Para se proteger dos efeitos do sol, o funcionário público Luís Márcio Pereira usa vários acessórios e protetores. Foto: Edvaldo Rodrigues/ DP/ D.A Press

Andar de bicicleta tem sido uma atividade física cada vez mais procurada pelos pernambucanos, ainda mais agora no verão, período que estimula a prática de esportes ao ar livre. A estação, porém, exige atenção redobrada por conta do calor excessivo, o que pode acabar levando o ciclista à desidratação e outros problemas.

De acordo com o professor de Educação Física Carlos Eduardo Rodrigues, a hidratação é o mais importante. “Recomendo beber bastante água. Aconselho o uso da água de coco, tanto para os ciclistas amadores, como os profissionais”. diz. Os principais sintomas da desidratação são sede, corpo cansado, vômito e diarreia.  É preciso sempre se manter hidratado e alguns alimentos, como melancia, melão e laranja, devem ser consumidos antes do treino. Além da água, eles oferecem vitaminas necessárias para atividades físicas.

Existem ainda as bebidas hidrolíticas, que ajudam na reposição dos sais minerais perdidos durante o trajeto. “Um adulto deve consumir cerca de dois litros e meio de água no verão, fazendo ou não exercícios”. explica o educador físico. O consumo de refrigerante, apesar  da presença da glicose, não é indicado: o açúcar pode, inclusive, favorecer a desidratação.   
Outra preocupação é com os horários. Estudos comprovam que a partir das 10 horas da manhã existe uma maior incidência do sol com o contato com a pele. Para evitar a radiação, o ideal é pedalar no início da manhã e no final da tarde, e nunca abra mão do protetor solar. Para um bom resultado, é preciso reaplicá-lo a cada uma hora, ou quando houver necessidade.

Mais proteção - Em relação aos acessórios, o uso do capacete é essencial. Além de proteger contra possíveis quedas, ele defende contra os  raios de sol.  O capacete para ciclismo normalmente é areado, garantindo a ventilação. No mercado também existem camisas de manga comprida com malha frias e com proteção UV.

Pedalar sem camisa é um erro, pois além do risco de queimaduras, a pessoa perde a proteção contra quedas e o impacto se torna bem maior. “Levo sempre na bolsa protetor labial e passo bloqueador solar sem álcool. Uso camisa com proteção UV e calça, além de um óculos de sol”. relata o servidor público Luís Márcio Pereira.
http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/bikepe/2014/01/15/interna_bikepe,484500/os-cuidados-para-evitar-a-desidratacao-durante-as-pedaladas.shtml

Nenhum comentário: