terça-feira, 5 de novembro de 2013

«No Tour de 2007 todos os ciclistas da Rabobank se doparam», denuncia antigo ciclista


Por Redação
Michael Rasmussen (foto AP)

O antigo ciclista Michael Rasmussen voltou a pôr o dedo na ferida: em 2007, todos os ciclistas da Rabobank que participaram no Tour de França correram dopados.

«Na Rabobank todos se doparam. Nem todos tomavam os mesmos produtos, mas todos tinham algum tipo de substância dada pela equipa. Quando mentia todos me criticavam. Quando um ciclista confessa todos o criticam por não dizer tudo, estou a dizer tudo. Considero-me uma pessoa credível no ciclismo porque posso limpar tudo de uma vez. Entrei no quarto do doutor Piet De Moor, onde estavam Bjarne Riis e Tyler (Hamilton), que acabava de injetar synacthen e convidou-me a fazê-lo. Aceitei. O Bjarne não colocou qualquer objeção», recordou o dinamarquês, no dia em que apresentou a sua autobiografia, intitulada «Febre Amarela».

Em 2007, os ciclistas que estiveram no Tour, pela Rabobank, foram Dennis Menchov, Michael Boogerd, Bram de Groot, Thomas Dekker, Juan Antonio Flecha, Óscar Freire, Grischa Niermann e Pieter Weening.
15:36 - 04-11-2013



http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=438627

Nenhum comentário: