terça-feira, 1 de outubro de 2013

Ciclistas propõem mudanças na ciclovia na orla da Lagoa da Pampulha

A principal preocupação dos ciclistas é com a segurança no local
Do R7, com Record Minas
Faixa de mão dupla é considerada perigosa pelos ciclistasRecord Minas










Representantes da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, da Prefeitura de Belo Horizonte e um grupo de ciclistas estiveram nesta segunda-feira (30) na orla da Lagoa da Pampulha. O objetivo da visita é tentar adequar o projeto ao interesse de todos.
Na região, é comum ver carros invadindo as ciclofaixas. Nos pontos de ônibus, quando os coletivos param, os passageiros têm que atravessar entre as bicicletas. Para o deputado estadual Gilberto Abramo, é preciso resolver os conflitos.
— Sabemos que hoje o uso da bicicleta é essencial e está crescendo principalmente nas grandes metrópoles, só que infelizmente na Lagoa da Pampulha existem alguns pontos que nós consideramos perigosos demais.
Everton Ferretti, da União do Ciclista, deu sugestões de mudanças.
— A solução é colocar a ciclovia do outro lado da rua. Na mesma rua, só que do outro lado. Dessa forma, o número de pedestres que vai querer utilizar a ciclovia vai ser menor.
A grande preocupação é com a segurança. De acordo com os representantes dos ciclistas, o fato da ciclofaixa ser de mão dupla apresenta riscos.
— O ciclista fica de frente para o carro. A pista está muito estreita, as colisões frontais estão acontecendo com frequência.
Eveline Trevisan, assessora da BHTrans promete ouvir as reclamações.
— A gente está aqui para tentar achar uma solução para eles também.

Nenhum comentário: