segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Canadense recupera bicicleta e deixa réplica de papelão para ladrão

Amigo de cineasta viu veículo roubado dias depois do crime.

Homem escreveu carta avisando que tinha deixado 'substituta'.

Do G1, em São Paulo

Quentin Matheson, um cineasta canadense, deu o troco em um ladrão que havia roubado sua bicicleta de estimação, e, depois de encontrar o veículo estacionado em uma calçada, substituiu a bicicleta por uma versão feita em papelão, além de deixar um bilhete para o gatuno.
Após recuperar bicicleta, canadense substituiu objeto por réplica de papelão (Foto: Reprodução/Facebook/Quentin Matheson)Após recuperar bicicleta, canadense substituiu objeto por réplica de papelão (Foto: Reprodução/Facebook/Quentin Matheson)
Matheson contou na página da oficina de bicicletas “MetroCycle” que seu amigo Gord Robbs, que trabalha no local, teria encontrado o precioso transporte, utilizado pelo cineasta há mais de 13 anos.
Ao reconhecer a bicicleta modificada, o mecânico ligou para Quentin, e ambos serraram o cadeado utilizado pelo ladrão para prender o objeto. Em seguida, com muito bom humor, Matheson e Robb criaram uma réplica em papelão da bicicleta, com a frase “um final feliz para mim”, além de uma carta direcionada ao criminoso.
Veja a carta na íntegra:
“Caro ladrão de bicicleta,
Seu malandro! Você pegou minha bicicleta no começo da semana mas esqueceu de me dizer onde deixou. Foi um golpe de sorte que meu amigo, que também é meu mecânico de bicicleta, a encontrou aqui. Não é maluco isso?
Enfim, preciso da bicicleta então vou pegá-la de volta. Por favor, aceite essa substituta até que possa comprar uma.
Até mais!”
Sequência mostra 'resgate' de bicicleta roubada e a carta deixada ao ladrão (Foto: Reprodução/Facebook/MetroCycle TO)Sequência mostra 'resgate' de bicicleta roubada e a carta deixada ao ladrão (Foto: Reprodução/Facebook/MetroCycle TO)fonte: http://g1.globo.com/planeta-bizarro/noticia/2013/09/canadense-recupera-bicicleta-e-deixa-replica-de-papelao-para-ladrao.html

Nenhum comentário: