quarta-feira, 3 de julho de 2013

Bicicletas tomam conta de Londres nos horários de pico

Autor: EcoD
Data: 2/7/2013



Londres
Foto: Getty Images

Que a bicicleta é um dos meios de transporte mais sustentáveis boa parte das pessoas já sabe. Afinal, além de não poluírem o meio ambiente com gases de efeito estufa, as bikes também fazem bem a saúde dos ciclistas, que praticam um exercício físico. Pois imagine que em Londres, capital da Inglaterra, os ciclistas já representam um quarto do tráfego de veículos nas ruas da cidade durante o horário de pico, segundo um censo de mobilidade sobre duas rodas feito pela organização Transport for London.

A proporção é ainda maior em algumas rotas populares, como a Theobalds Road, no bairro de Holborn, onde as 'magrelas' respondem por 64% do fluxo do trânsito, de acordo com informações da Exame.com.

Ciclistas fazem 570 mil viagens em Londres, todos os dias O estudo mostra ainda que os ciclistas fazem 570 mil viagens em Londres, todos os dias - quase o dobro das 290 mil registradas em 2001. Ao longo do dia, fora da hora mais crítica, as bicicletas compõem 16% de todo o tráfego rodoviário da cidade.

Números como esses podem se traduzir de forma positiva para a cidade, afugentando críticas e dando suporte para tirar do papel o plano do prefeito londrino, Boris Johnson, de implementar um programa de quase um bilhão de libras para expandir a infraestrutura cicloviária de Londres.

Em janeiro de 2011, o EcoD já noticiava que os 40 km de ciclovias implantados na capital inglesa à época fizeram com que a utilização de bicicletas na cidade dobrasse.

Além dos benefícios ambientais e para a saúde, a cidade tem outro bom motivo para apostar nas magrelas. Há dois anos, um estudo feito pela London School of Economics (LSE) mostrou que a prática do ciclismo rende em média 2,9 bilhões de libras esterlinas ao país, cerca de 7,9 bilhões de reais.

http://360graus.terra.com.br/biking/default.asp?did=35507&action=news

Nenhum comentário: