terça-feira, 23 de abril de 2013

Casal que passou por 50 países de bicicleta chega às Cataratas, no PR


Em quatro anos, espanhol e suíça já percorreram 61 mil quilômetros.
Casal que se conheceu na viagem ainda não sabe qual será o destino final.

07/04/2013

ciclistas cataratas (Foto: Airton Serra / RPC TV)
Há mais de quatro anos viajando de bicicleta pelo mundo, o espanhol Joseba Perez e a suíça Corrine Maire se encantaram com as Cataratas do Iguaçu, no oeste do Paraná. “Este é o lugar mais bonito que vimos até agora. É impressionante”, afirmam.
Desde que iniciaram a viagem, em 2009, os dois já passaram por mais 50 países em quatro continentes e percorreram quase 62 mil quilômetros. A aventura e o encontro, que começou por acaso, deve terminar este ano.
Na bagagem, os dois carregam a experiência das passagens pelos continentes europeu, asiático e africano. Da América, conhecem a Argentina, o Chile e agora o Brasil, começando por Foz do Iguaçu, no oeste do estado. “Há mais de um ano estávamos ansiosos para chegar até aqui e ver de perto as Cataratas do Iguaçu. Pessoalmente são muito mais bonitas e encantadoras do que imaginávamos”, elogiou Corrine. “Valeu todo o esforço.”
Da fronteira, eles seguem para outras regiões do país até chegarem aos Estados Unidos e de lá voltarem à Europa. Mas, o destino final ainda não foi definido. “Nós nos encontramos por acaso, dez mil quilômetros depois, no Irã, e de lá decidimos seguir juntos. Mas, se vamos encerrar a viagem na Espanha ou na Suíça, vamos resolver no caminho. O mundo é grande”, brinca o espanhol lembrando que sempre teve o desejo de conhecer o mundo de bicicleta até que resolveu largar tudo e se aventurar.
A mesma vontade motivou a suíça que confessou antes temer fazer a viagem de bicicleta sozinha. “Mas, em uma viagem à Mongólia, encontrei uma moça que viajou por quatro anos de bicicleta, o mesmo que eu gostaria de fazer, e, com o relato dela, fiquei mais segura e passei a acreditar que não teria problemas”, recorda ao destacar que a aventura ficou mais agradável depois que os dois se conheceram e começaram a dividir a experiência juntos.
Em Foz do Iguaçu, os dois ficaram alojados em uma associação ciclística da cidade. “Em quase todos os lugares, somos bem recebidos, com pessoas nos oferecendo lugar para ficar e comida. Isso mostra que não é preciso muito para se aventurar, basta ter vontade, se planejar e pegar a estrada. As pessoas são solidárias e é preciso confiar nelas”, encoraja a suíça.

http://g1.globo.com/pr/oeste-sudoeste/noticia/2013/04/casal-que-passou-por-50-paises-de-bicicleta-chega-cataratas-no-pr.html

Nenhum comentário: