segunda-feira, 11 de março de 2013

Ex ciclista holandês admite que usou doping por uma década


Ex ciclista professional, o holandês Michael Boogerd admitiu que se dopou durante uma década, de 1997 até encerrar a carreira, em 2007. A declaração foi dada à emissora de seu país Nos.
Segundo publica nesta quarta-feira o site holandêsDutch News, acusações de doping já eram feitas contra Boogerd desde 2008.
Ele negava as acusações até conceder a entrevista à rede de televisão, a qual irá ao ar na noite desta quarta-feira.

Imagem mostra Boogerd na Volta da França de 2007 Foto: EFE
Imagem mostra Boogerd na Volta da França de 2007
Foto: EFE

Na transmissão, Boogerd reconhece o uso de EPO (eritropoietina, o doping por hormônio sintético), transfusões de sangue e cortisona para melhorar o rendimento esportivo enquanto foi membro da equipe Rabobank.
O ex-atleta apontou que utilizava as substâncias durante períodos de treinamento, argumentando que estava “limpo” quando competia, por exemplo, na Volta da França.
Boogerd, 40 anos, venceu duas etapas da prova mais tradicional do ciclismo mundial.
Ele se tornou o oitavo ex-membro da Rabobank a admitir o uso de doping. Esse cenário que motivou o banco a encerrar em 2012 o patrocínio ao ciclismo profissional.
O holandês, campeão nacional em 1997, 1998 e 2006, venceu duas etapas em edições da Volta da França. Ele conquistou também a Amstel Gold Race em 1999.
http://esportes.terra.com.br/ex-ciclista-holandes-admite-que-usou-doping-por-uma-decada,0b817a6238f3d310VgnVCM20000099cceb0aRCRD.html

Nenhum comentário: