segunda-feira, 4 de março de 2013

GT Pedala BH discute planejamento cicloviário para Belo Horizonte

Reunião do GT Pedala BH – Segunda-feira – 25 de fevereiro de 2013

Pauta previamente definida através do e-mail do grupo GT Pedala BH: http://j.mp/X9208Z
Membros da BH em Ciclo marcaram presença na reunião
Membros da BH em Ciclo marcaram presença na reunião
O ciclista Guilherme Tampieri, membro da BH em Ciclo – Associação de Ciclistas Urbanos de BH – falou sobre o projeto da avenida Fleming e citou que há detalhes que faltam ser corrigidos e que, caso não seja feito, podem causar acidentes. Além, ele citou a ausência de sinalização luminosa na avenida João Pinheiro e que fora prometida estar pronta em novembro, mas até a presente data não fora implantado.
Augusto Schmitd sugeriu um prazo de duas semanas para que fossem levantados mais detalhes das ciclovias que precisam ser corrigidor. Todos os presentes concordaram com o prazo.
Eveline Trevisan, da BHTrans, sugeriu que os presentes definissem a(s) próxima(s) ordem(ns) de serviço. Guilherme Tampieri solicitou um prazo de uma semana para que os projetos fossem levados ao grupo de e-mail GT Pedala BH. Mauro Luiz, também da BHTrans, pediu que três ordens de serviço fossem escolhidas e que seria interessante e estratégico avaliar a condição do asfalto nos locais programados para a implantação das ciclovias. Ele explicou que se o asfalto estiver muito ruim, a pintura da ciclovia ficaria extremamente prejudicada. Guilherme Tampieri disse que na próxima segunda-feira (4/3) as ordens de serviço estariam escolhidas e que do dia 4/3 ao dia 11/3 os ciclistas, juntamente à BHTrans, deveriam fazer visitas técnicas aos locais escolhidos para analisar a viabilidade das obras.
As opções de ordem de serviço que a BHTrans passou para os ciclistas presentes contemplam a divisão do orçamento por partes. Exemplos: drenagem, recapeamento e pintura. Eveline Trevisan e Mauro ficaram de avaliar a possibilidade da SUDECAP – Superintendência de Desenvolvimento da Capital – usar seus recursos para possíveis ajustes do pavimento, calçada e demais ajustes que necessitam ser feitos para que a implementação das ciclovias seja feita da melhor maneira possível e com menor custo.
Guilherme Tampieri sugeriu a realização de uma audiência pública para criação de um Projeto de Lei que obrigará as lojas que vendem bicicletas inteiras a distribuírem cartilhas de orientação de como se portar no trânsito. Esse cartilha seria resultado das discussões da própria audiência pública, que teria como atores convidados os lojistas, ciclistas, a BHTrans e toda a sociedade belo-horizontina. Mauro Luiz sugeriu, também, a implantação de bicicletários nestas lojas, mas Eveline Trevisan e Guilherme Tampieri citaram a necessidade de se alterar a legislação municipal que concerne ao mobiliário urbano da capital.
Eveline Trevisan falou sobre a 4ª Conferência de Política Urbana e de sua importância para revisão das leis urbanísticas na cidade. Há uma lacuna no que tange ao mobiliário ciclístico na cidade e que se faz necessária de ser preenchida com certa urgência. Além, ela sugeriu que os ciclistas se mobilizasesm para enviar sugestões a ela sobre qual a melhor maneira de se criar uma legislação que contemple de maneira satisfatória os anceios dos ciclistas da cidade no que tange ao estacionamento das bicicletas. Continuando, ela solicitou que os ciclistas, até a terça-feira (26), enviassem por e-mail suas sugestões para o Código de Posturas do Município e se comprometeu a organizar as solicitações que lhe fossem enviadas.
Mauro Luiz citou a questão dos bicicletários e falou sobre a necessidade de se discutir, por conta dos custos, quem será responsável pelos mesmos. Ele frisou que as estações do BRT serão construídas contando com bicicletários. A av. Dom Pedro I já está sendo feita com ciclovia no nível do passeio.
Eveline pediu que o grupo desse sugestões de soluções caseiras de publicidade e educação, que podem ser feitas internamente pela BHTrans, tais como faixas de pano. Para a próxima reunião do GT Pedala BH, ela se responsabilizou de dar o retorno de como ficou a discussão interna da BHTrans sobre ações educacionais para o trânsito.
A BHTrans, por meio de Mauro Luiz e Eveline Trevisan, solicitará à SUDECAP um cronograma de recapeamento das vias de BH. Essa demanda surgiu da necessidade de se saber quais asfaltos estarão prontos para receberem ciclovias e em qual período isso acontecerá.
Eveline solicitou que o grupo levantesse, em até 60 dias, nome de pessoas e temas para a organização do seminário que o GT Pedala BH organizará. Todos se comprometeram a abastecê-la com nomes e temas.
A BHTrans, por meio do órgão responsável pelas placas luminosas da cidade, disse à Eveline que as frases sugeridas pelo ciclista Augusto Schmidt já estão nas placas. Eveline irá falar com o responsável pelo Plano de Mobilidade Urbana da cidade e pelo Balanço da Mbilidade Urbana de Belo Horizonte sobre a participação da BH em Ciclo na elaboração do Plano de Mobilidade e dos próximos balanços. Será marcada uma reunião com o responsável.
Estabeleceu-se que a regularidade das reuniões do grupo pedala BH será quinzenal, com o horário sugerido para as 17h30min e com a responsabilidade dos temas que demandam maior participação serem discutidos após as 18h.
Não tendo mais o que se discutir, ficou estabelecido que para o dia 4/3, segunda-feira, seria feita uma reunião extraordinária do Pedala BH no mesmo local e horário (GEEST – Gerência de Estacionamento Rotativo da BHTRANS, Avenida Álvares Cabral, 593 – 7º andar – 17h30min).
Participantes:
Amanda Cristine Alves Corradi / BH em Ciclo;
André Henrique de Brito Veloso / BH em Ciclo;
Augusto Diniz de Ulhoa Cintra Schmidt / BH em Ciclo;
Edwaldo Teixeira Barrão / BH em Ciclo;
Eveline Trevisan / BHTrans;
Gabriel Castro / Ciclista;
Guilherme Lara C. Tampieri / BH em Ciclo, Nossa BH;
José Álvaro Teixeira / Mountain Bike bh;
Mauro Luiz / BH Trans;
Thiago Rodrigues Souza / Ciclista;
Vander de Castro Neves / BH em Ciclo;
Vinícius Mundim / Mountain Bike bh;
http://bhemciclo.org/2013/02/26/ata-da-reuniao-do-gt-pedala-bh-do-dia-25-de-fevereiro/

Nenhum comentário: