sábado, 30 de abril de 2011

Pedalagoa completa mais de 100 árvores plantadas

Pedalagoa é moutain bike, ação social, ecologia e busca a integridade. A saúde, a bondade, o verde, o amor e a verdade não tem dia é toda hora.
Vista essa camisa você também!
pedalagoa completa mais de 100 árvores plantadas
Os quatro domingos de abril foram de intensa movimentação para o pedalagoa, comemoração do 2º aniversário do Grupo e completadas mais de 100 árvores plantadas do Projeto "Ação Verde", parceria com a Secretaria de Meio Ambiente de Lagoa Santa, iniciado em 12 de junho de 2010, nas comemorações do dia Mundial do Meio Ambiente, data em que o pedalagoa aliado à Escola Renascence, promoveram uma Bicicletada Ecológica, passeio ciclístico pelo circúito do Poço Verde (16 Km), sendo plantadas 12 árvores de Páu-brasil no entorno do Poço Verde hospedagem e lazer com a participação de integrandes do Grupo, 20 alunos e Professores Breno Kristoffer, Cláudio Monteiro, Daniel Henrique e Rodrigo Tavares da Escola Renascence.
Dia 28 de abril de 2011, data histórica para o pedalagoa, deu se o encerramento das comemorações do 2º aniversário e mais de 100 árvores plantadas pelo Grupo, com calorosa atividade envolvendo alunos, pais, professores e direção da Escola Estadual Tiradentes, localizada na Vila Militar do PAMA-LS. Foram distribuídas no entorno da escola 16 árvores, das espécies Sibipiruna, 10 mudas e Calistemo, 6 mudas, sendo cada árvore plantada e adotada por cada uma das 16 turmas existentes; na abertura, a Diretora Tânia Aparecida salientou do combinado momento que a escola ressaltava entre as turmas a urgente necessidade de luta pela vida no planeta e o pedalagoa com a proposta de completar um importante ciclo de um projeto voltado para o mesmo tema. As atividades iniciaram às 9:30 hs. no turno da manhã com a turma do 7º Ano do Ensino Fundamental, Profª Ana Aurora, plantio feito pela Aluna Alexandra Torres, no turno da tarde início às 13:30 hs., com a turma do 3º Ano do Ensino Fundamental, Profª Cleia Terezinha, plantio feito pelos alunos, os Gêmeos Gabriel Murta e Rafael Murta, completando até esta data, um total de 132 árvores plantadas Lagoa Santa afora.
Além do ritual da árvore promovido pelo pedalagoa, marco da estadia do Grupo pelos locais visitados, com o plantio de uma árvore de Páu-brasil (árvore adotada pelo Grupo como mascote), o movimento em luta pela vida no planeta e ações no sentido de promover um mundo melhor do Projeto "Ação Verde", além dos locais visitados, extende-se agora à toda Lagoa Santa, abre caminho sem fronteiras para uma multiplicação muitas vezes maior que o nº de 132 árvores.
Adiante, novo desafio, dia 4 de junho, comemoração do dia Mundial do Meio Ambiente, nossa programação, novamente aliados à Escola Renascence, promoveremos a Bicicleta Ecológica 2011 pela travessia da Fazenda Fidalgo (14 Km). Reservamos 30 mudas de Páu-brasil, no momento recebendo tratos especiais, para serem plantadas na PRECON-Agro, propriedade de nosso apoiador Bruno Dias.
Participantes fieis do Grupo, participantes ausentes, simpatizantes, não participantes, pretendentes a participarem, enfim, o pedalagoa segue cidades, estradões e trilhas, para além de ver a glória da natureza que ainda vive, paiságens exuberantes e vistas de tirar o fólego, permanece aberto à todos para uma liderança compartilhada, na expectativa de fazer algo pela natureza, que por quase todo o planeta, "geme como em dores de parto" (Romanos 8:22).
A pergunta que deixamos a todos é: O que você tem feito pelo meio ambiente?
Visite: www.pedalagoa.blogspot.com
"Na vida, não vale tanto o que temos, nem tanto importa o que somos. Vale o que realizamos com aquilo que possuímos e, acima de tudo, importa o que fazemos de nós."
pedalagoa@ig.com.br

Trilha de Sábado e Curso/ Morro do Rato (Itaoca)

Trilha saindo sábado (30/04) da loja as 7:30 da manhã.
Aproximadamente 55km de percurso. Circuito 01 TRIP TRAIL - Morro do Rato (Itaóca)
Forte abraço e bom dia

CURSO DE INSTRUÇÃO E MECÂNICA PARA TRILHA

* Como comprar a bike certa
* Como comprar peças que realmente vão melhorar minha bike e desempenho
* Qual o uso certo das marchas?
* Manutenção é importante? E como?
* Suspensões: mitos e verdades
* Freios a disco: mitos e verdades
* O que é bike fit? É importante?
* Barulho na bike. Sinal de que?
* Peças tem validade ?

* Como retirar e colocar rodas
* Furos - como sair desta furada
* Como remendar câmara
* Como emendar correntes
* Regulagem emergencial de marcha
* Regulagem de freios
* Concertando o pneu rasgado na trilha
* Tirar pneus com e sem espátula

O curso será dia 11 de Maio no Turf centro shopping as 19:00
O preço do curso será de 50,00 e as inscrições serão até o dia 09/05
por email ou na loja Josimar Bicicletas.
Maiores informações: 22 9982-0829

ATENÇÃO VAGAS LIMITADAS, FAÇA JÁ SUA INSCRIÇÃO.

Josimar Bicicletas
Manutenção em suspensões e bikes
Peças e acessórios
www.josimarbicicletas.blogspot.com

Informativo 1 da primeira etapa do Circuito Terra Fast

Prezados Atletas,
o Informativo 1 da primeira etapa do Circuito Terra Fast já está no ar! O Circuito terá a mesma direção da Expedição Terra de Gigantes, mas será uma prova curta, com 5 categorias: Solo ( 60 km ), Duplas mistas e masculinas ( 60km ) e Duplas mistas e masculinas Light ( 30km). Além disso, as duas etapas valerão para o RBCA e para o Campeonato Estadual de Corrida de Aventura do Rio de Janeiro. No final do Circuito, os atletas da categoria duplas mistas, duplas masculinas e solo receberão prêmio em dinheiro na seguinte proporção:
Solo
1º Lugar – R$ 1,000,00
2º Lugar – R$ 600,00
3º Lugar – R$ 400,00
Duplas Masculina
1º Lugar – R$ 1,500,00
2º Lugar – R$ 1,000,00
3º Lugar – R$ 600,00
Duplas Mistas
1º Lugar – R$ 1,000,00
Um total de R$ 6,100,00 em dinheiro para os campeões do Circuito.
Além disso, os atletas receberão prêmios da Deuter, Sea to Summit, Lorpen, entre outros por etapa!
As inscrições estão abertas , mas as vagas são limitadas em 30 vagas por categoria, não percam!
Bons Treinos,
Organização Circuito Terra Fast
Por E-mail:Claudio Presidente FECIERJ

Lafaietense e destaque no site da Confederação Brasileira de Triathlon


Ernani de Souza
Blog: www.multiatleta.blogspot.com
MSN: Ernanimtb@hotmail.com
Skype: Souzamtb
31 8677 0602

Prática esportiva pode causar doenças dermatológicas e comprometer desempenho


Mariana Haubert
- Especial para o Correio

Publicação:

27/04/2011 10:17

Correr, nadar, pedalar... Todas essas atividades tão comuns fazem muito bem à saúde, é fato, mas podem esconder um problema mais recorrente do que se imagina: as lesões na pele. Negligenciado por muitos esportistas, esse órgão sofre com a falta de cuidado na prática das atividades e de higiene assim que o exercício acaba. Isso pode levar ao surgimento de micoses, a principal dermatose dos desportistas, além de escoriações, bolhas, calos e, até mesmo, o câncer de pele.

Os atletas estão mais propensos a essas lesões devido aos seguintes fatores: intensa repetição dos movimentos, treinos prolongados, grande exposição ao sol, excesso de umidade e falta de ventilação nas roupas e nos calçados. “As pessoas acham que os problemas dermatológicos são inofensivos, mas, no caso dos atletas, podem comprometer a participação e o desempenho em competições”, explica Gilvan Alves, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia no Distrito Federal.

Em relação à maioria das pessoas, os esportistas já possuem uma desvantagem: o suor. “A transpiração deixa a pele mais fina e reduz a barreira cutânea, mas o suor em si não provoca lesões, exceto nos casos em que há alergia a ele, mas são raríssimos”, diz Gilvan.

Segundo a dermatologista Izelda Maria Costa, são os maus hábitos que levam ao surgimento dos fungos. “O atleta, por exemplo, sai da piscina e continua com o calção molhado por muito tempo; ou o jogador de futebol que disputa uma partida inteira e, ao fim, não retira a chuteira, deixando que o pé, molhado pelo suor e quente por causa do desgaste físico, seja o ambiente perfeito para o desenvolvimento das micoses”, alerta.

Dermatose causada pela presença de fungos, a micose se apresenta como uma lesão descamativa, que pode aparecer em diversos pontos do corpo (veja quadro). Os primeiros sinais de que algo está errado são o surgimento de bolhas, descamações entre os dedos e regiões de pele macerada. Quem está com o problema pode se queixar também de muita coceira nos locais atingidos.

O tratamento para as micoses é bastante simples e pode ser feito tanto por via oral quanto com remédios de uso tópico.

Veja infográfico com principais problemas dermatológicos

Atenção aos calos
Outro problema bastante comum entre os esportistas é o surgimento de calos. O trauma crônico — causado pela repetição de movimentos que deixam a pele em atrito com outro instrumento — não tem tratamento, mas pode sumir caso o exercício seja interrompido. “Infelizmente, não há ainda uma solução eficaz para os calos, que são um engrossamento da pele no local em que há mais atrito e pressão”, explica o médico Gilvan Alves, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia no Distrito Federal.

Um pouco mais graves que as micoses e os calos, as lesões traumáticas oriundas de colisões ou esbarrões também são comuns entre os atletas, devido à própria natureza de alguns esportes. Nesse caso, é preciso ficar de olho nas pequenas escoriações e vermelhidões. “Pode ser que apenas ações de higiene e o uso de antissépticos sejam suficientes”, atesta. “Mesmo assim, tem de ficar de atento para ver como se dá a evolução do caso, pois, ao abrir a pele, existe a possibilidade de que fungos e bactérias se instalem no local e haja a ocorrência de infecções.” O médico ressalta que se o ferimento for grande, deve-se consultar imediatamente um dermatologista.

Protetor solar é obrigatório
De todas as lesões de pele, a mais grave, sem dúvida, é o câncer. Atletas que praticam atividades ao ar livre devem redobrar os cuidados ao se expor ao sol durante longos períodos. O tão aclamado protetor solar é a peça principal no combate à doença. A dermatologista Izelda Maria Costa recomenda que o fator de proteção utilizado seja maior que 30. O produto também deve ser aplicado a cada duas horas. “Mesmo que seja à prova d’água, é importante repor. Uma pele exposta ao sol resseca e pode manchar também.”

O dermatologista Gilvan Alves lembra que a atenção dos atletas deve ser redobrada em relação à saúde de seus corpos. “O corpo é o instrumento de trabalho deles, então, é essencial que se cuide muito bem. Qualquer mancha, vermelhidão ou coceira deve ser checada por um dermatologista para que se verifique com antecedência se é um problema grave ou não”, explica o especialista. A dica, ressalta ele, vale também para os atletas amadores.

Comum e perigoso
Uma das patologias mais conhecidas entre os desportistas é o pé de atleta, uma infecção fúngica que causa vermelhidão na pele dos pés. É adquirida no próprio ambiente ou de uma pessoa para outra. A vermelhidão pode dar espaço para sintomas mais agudos, como quando a pele torna-se esbranquiçada, descamativa e rompe-se em pequenas fissuras. Em caso grave, podem aparecer feridas maiores. O tratamento é igual aos demais casos de micoses, exceto quando o quadro se agrava, o que exige remédios específicos.http://www.superesportes.com.br/app/19,66/2011/04/27/noticia_maise

Atletas de provas longas devem ficar atentos ao índice glicêmico dos alimentos


Ana Cláudia Felizola
- Correio Braziliense

Publicação:

26/04/2011 10:29

Carlos Moura/CB/D.A Press
A triatleta Rayana Lima procurou a orientação de um nutricionista quando começou no esporte: "Esse cuidado com a alimentação sempre foi uma preocupação porque os treinos são muito exaustivos"
Se passar horas praticando atividades físicas puxadas já é desgastante, imagine fazer isso sem parar para comer em pequenos intervalos? Ou então ingerindo alimentos que, em vez de ajudar, só contribuem para aumentar o cansaço? No caso de competidores que encaram disputas de longa duração, como maratonistas e triatletas, essa é uma preocupação constante. Dependendo do tipo de alimentação, é possível controlar a glicemia durante as provas para evitar picos de energia e, assim, um rápida queda dela durante o percurso.

“O pico nunca é interessante. Se você provoca uma alteração muito brusca na glicemia sanguínea, a resposta do corpo é sempre uma liberação de insulina para controlar isso, mas essa ação não é interessante no exercício de longa duração”, explica o técnico de triatlo e ciclismo Claudio Civatti.

Os alimentos considerados de alto índice são aqueles absorvidos com maior velocidade e que, por isso, provocam maior alteração na glicemia. “Um atleta que consome alimentos de alto índice glicêmico antes da prova pode ter uma hipoglicemia no meio da competição, ou seja, uma falta de açúcar no sangue, prejudicando o rendimento e a saúde”, alerta o nutricionista esportivo Victor Braga.

Segundo ele, o ideal é optar pelos alimentos de baixo índice glicêmico, tanto antes quanto depois de treinos ou provas. Assim, é possível evitar os picos de energia e possibilitar uma liberação mais gradativa dela durante a atividade. Os especialistas, entretanto, têm opiniões distintas sobre o que se deve comer após os exercícios. Para Civatti, é melhor recompor os níveis sanguíneos o mais rápido possível. “Isso vai ajudar na recuperação metabólica”, aponta. Já Braga acredita que seja melhor, novamente, escolher alimentos de baixo índice. “Eles contribuem com um menor depósito de gordura e com mais saciedade”, defende.

O fundamental é ter sempre o acompanhamento de um nutricionista para a realização das atividades físicas, sobretudo as que exigem um esforço prolongado do corpo. Foi o que fez a triatleta Rayana Lima, 31 anos, desde que começou no esporte. “Procurei um nutricionista que também fosse triatleta. Esse cuidado com a alimentação sempre foi uma preocupação nossa porque os treinos são muito exaustivos”, conta. Mesmo com tanta cautela, um dia, a professora de educação física se esqueceu de comer durante o treinamento. A diferença no desempenho foi notória. “Terminei muito mais cansada e com rendimento muito pior”, constata.

Gel e rapadura
Além da água, que deve sempre ser tomada nas práticas esportivas, uma boa alternativa do que ingerir durante os longos percursos típicos de maratonas é um gel que contém carboidratos de alto índice glicêmico, à venda no mercado, em sachês de diversas marcas. Além da praticidade, ele ajuda na liberação mais eficiente de energia para o corpo. Mas se o atleta tiver dificuldades em se adaptar — algumas pessoas têm náuseas e incômodos gastrointestinais com o gel —, há um alimento barato e fácil de se encontrar que também é recomendado. “A rapadura é um açúcar rico em vitaminas e minerais para se usar durante a prova”, indica Braga.

Fique de olho

O consumo exagerado de alimentos de alto índice glicêmico pode acarretar ocorrência de doenças cardiovasculares e ainda provocar uma resistência do organismo à insulina.

Saiba mais

Alimentos de baixo índice glicêmico

Frutas e alimentos integrais, como pão, arroz e macarrão integrais; batata-doce, inhame,
aveia, granola, quinoa e amaranto.

Alimentos de alto índice glicêmico
Batata assada e frita, mandioca, macarrão, arroz branco, pão branco de trigo, pão de leite, cereais matinais.

http://www.superesportes.com.br/app/19,66/2011/04/26/noticia_maisesportes,17458/atletas-de-provas-longas-devem-ficar-atentos-ao-indice-glicemico-dos-alimentos.shtml

Médico de Armstrong exige ser ouvido pela justiça

O italiano Michele Ferrari exigiu ser ouvido por Benedetto Roberti, procurador de Pádua que dirige uma investigação sobre o doping no ciclismo e possíveis crimes de lavagem de dinheiro, fuga ao fisco, conspiração e fraude, inquérito que tem como principal alvo o antigo médico e preparador físico de Lance Armstrong.

Num comunicado divulgado nesta semana, Ferrari criticou "as violações do segredo de justiça, que não provêem certamente do magistrado que conduz o inquérito". O médico "atacará na justiça e sem pré-aviso todo o tipo de difamação, quer venha da comunicação social ou de particulares", garantiu o advogado do preparador físico, citado pela AFP.

Ferrari ficou famoso quando em 1994 relativizou o uso de eritropoietina (EPO) no ciclismo, considerando-a tão perigosa como o consumo excessivo de sumo de laranja. O médico, apontado como um dos artífices do doping no desporto italiano, com ramificações internacionais, foi condenado em 2005 por um tribunal de Bolonha, por fraude desportiva, através da dopagem de atletas, mas recorreu e o crime prescreveu. Só após esse julgamento é que Armstrong rompeu oficialmente a ligação ao preparador físico italiano.

Todos os atletas com licença desportiva italiana estão proibidos, pelo Comité Olímpico Italiano (CONI), de ter qualquer contacto profissional com Ferrari, sob pena de serem suspensos entre três e seis meses, decisão que o advogado do clínico apelidou de "anacrónica e injusta". Mas a investigação das autoridades federais norte-americanas a Armstrong e aos membros da antiga US Postal, por suspeita de uso de fundos públicos em práticas dopantes, levou à descoberta de transacções financeiras de cerca de 15 milhões de euros, para contas bancárias de Ferrari, alegadamente feitas por atletas da elite desportiva. O médico italiano continua a prestar serviços em Tenerife, Espanha, durante o inverno, e em Saint Moritz, Suíça, no resto do ano.

No âmbito da investigação a Ferrari, que conta com a colaboração de polícias de vários países europeus e já levou a Suíça a congelar contas bancárias do preparador físico, Benedetto Roberti ordenou nas últimas semanas buscas às instalações da equipa russa Katusha, na província de Bescria, e apreendeu os passaportes biológicos de cinco ciclistas russos, todos residentes em Espanha: Alexander Kolobnev, Vladimir Karpets, Mikhail Ignatiev, Vladimir Gusev e Evgueni Petrov, actual corredor da Astana.

Logo a seguir, o magistrado ordenou buscas aos quartos de hotel de dois ciclistas da Lampre que estagiavam nas encostas do Monte Etna, na Sicília: Leonardo Bertagno e Michele Scarponi, que negou ter qualquer ligação com Ferrari.

http://www.dn.pt/desporto/antidoping/interior.aspx?content_id=1839645

Atividade física melhora o desempenho profissional

Um estudo do Colégio Americano de Medicina Esportiva constatou que a pessoa que pratica atividade física tem um melhor desempenho no trabalho. A observação já tinha sido notada também em crianças americanas. Aqueles que praticavam esportes tinham um desempenho melhor na escola.


A explicação é simples. De acordo com o estudo, a prática de esporte melhora o desempenho no cérebro. Atividades como correr, nadar, pedalar, ou qualquer outra que exija desempenho cardiovascular, alteram o padrão do funcionamento das células cerebrais. Os exercícios melhoram a oxigenação e a comunicação entre as células nervosas. Essa comunicação deixa o ser humano mais atento e com o raciocínio mais rápido.

Por Carolina Abranches

http://www.dgabc.com.br/News/5882392/atividade-fisica-melhora-o-desempenho-profissional.aspx

ALBERTO CONTADOR: "AS ETAPAS SÃO LONGAS, DIFÍCEIS E PERIGOSAS"


O espanhol Alberto Contador (Saxo Bank) e seus companheiros de equipe visualizaram alguma das etapas decisivas da próxima edição do Giro d´Italia. A dificuldade das montanhas impressionou Contador.

O tricampeão do Tour de France abriu mão de disputar a Liège-Bastogne-Liège, vencida pelo belga Philippe Gilbert, e explorou quatro das montanhas mais importantes do Giro d'Italia. Contador disse não acreditar naquilo que encontraram pela frente.

"Nós vimos quatro etapas - em Nevegal, Grossglockner, Monte Zoncolan e Val di Fassa. Acho que é difícil colocar em palavras, você tem que ver para acreditar ", disse Contador ao diário Marca . "É incrível. É como se fossem quatro etapas-rainha."

Contador foi acompanhado por colegas Jesús Hernández e Dani Navarro na preparação pelo norte da Itália e Áustria. Contador disse que nunca viu nada parecido com as etapas na última semana do Giro, previsto para começar 07 de maio, em Turim.

"O estágio do Val di Fassa, por exemplo, tem 6.500 metros de escalada.Serão cinco subidas e 230 km de corrida. Eu não tenho certeza, mas o máximo que já subi no Tour foi cerca de 5.000 metros. E a etapa do dia anteior, a 14ª, também terá 5.000 m de escalada, com 210 quilômetros até o final no Zoncolan ", ressaltou. "As etapas são longas, difíceis e perigosas. Tem de tudo um pouco."

Contador mostrou-se preocupado com a descida do Monte Crostis, que já está sendo chamado de uma das descidas mais perigosas da história, principalmente pela qualidade do asfalto.

"Essa descida do Monte Crostis, última escalada antes do Zoncolan, eu não sei como vamos descer isso. Eu não sei se vão pavimentar, ou se vão colocar redes nas laterais, como fazem em pistas de esqui, porque são muitos buracos. Tudo o que sei é que, mesmo em um carro, a descida coloca o seu cabelo em pé. Eu só espero que nada de ruim aconteça no dia da prova."

Por fim, o ciclista espanhol disse se recuperar de um resfriado leve que teve no início de abril e espera estar em forma para lutar paravencer o Giro pela segunda vez.

"Eu ainda estou sentindo os efeitos do frio, mas eu acredito que supero isso em poucos dias", ressaltou Contador. "No restante, tudo vai bem. Acabei de voltar da Itália e as sensações são boas, mas até alinhar ainda não posso afirmar como serão as coisas. Em geral, a preparação foi muito boa até aqui."

FONTE : EUVOUDEBIKE

Porquê pedalar e andar a pé? (vídeo)

28-04-2011

Alguns dos benefícios de andar a pé e de bicicleta em vez de usar veículos a motor.http://sempredebicicleta.co.cc/index.php?id=4745906790183892446

TAS garante decisão sobre Contador antes do Tour

por Duarte Ladeiras28 Abril 2011

TAS garante decisão sobre Contador antes do Tour

Fotografia © Robert Pratta-Reuters

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) já nomeou os árbitros que vão analisar o recurso contra a absolvição de Alberto Contador, da acusação de doping na Volta à França do ano passado, O organismo máximo da justiça desportiva garante que será possível chegar a uma decisão antes do arranque do Tour deste ano, a 2 de Julho.

Em comunicado, o TAS revelou que o painel de arbitragem será composto pelo israelita Efraim Barak, pelo suíço Quentin Byrne-Sutton e pelo alemão Ulrich Haas. Barak foi nomeado pelo tribunal como o presidente do painel. Byrne-Sutton foi escolhido pela Agência Mundial Antidopagem (AMA) e pela União Ciclista Internacional (UCI), que apresentaram o recurso. Haas foi a escolha da defesa de Contador e da Real Federação Espanhola de Ciclismo (RFEC), que proferiu a decisão de absolver o ciclista.

"Os procedimentos escritos deverão estar concluídos no final de Maio e o TAS prevê realizar a audiência em Junho de 2001, o que permitirá obter uma conclusão para a disputa antes do final de Junho", adiantou o tribunal, que irá divulgar "a data da audiência assim que for fixada".

Contador registou um controlo de doping positivo na Volta à França do ano passado, naquela que foi a terceira vitória do espanhol na principal prova do ciclismo mundial. As análises detectaram valores ínfimos de clembuterol (50 picogramas por mililitros de urina), que o corredor justificou com contaminação alimentar, através da ingestão de carne comprada no País Basco e que provinha de vaca supostamente engordada de forma ilegal com injecções daquela substância.

A instrutora do processo, na RFEC, propôs inicialmente um ano de suspensão, proposta que Contador contestou apresentando mais provas que alegadamente suportam a teoria da contaminação alimentar. Após algumas semanas de fortes pressões mediáticas, desportivas e políticas, incluindo do primeiro-ministro espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, defendendo não haver justificação jurídica para punir Contador, o comité de competição da RFEC acabou por absolver o ciclista, considerando não ter havido culpa ou negligência por parte deste.

Após ter analisado o dossier do caso, a UCI decidiu recorrer para o TAS. A AMA, que desde início colaborou com a UCI neste processo, juntou-se mais tarde ao recurso.http://www.dn.pt/desporto/antidoping/interior.aspx?content_id=1839650


quinta-feira, 28 de abril de 2011

"Não fui acusado nem notificado de qualquer investigação"

por Duarte LadeirasOntem2 comentários

"Não fui acusado nem notificado de qualquer investigação"

Fotografia © Brandon Malone-Reuters

(COM VÍDEO) Lance Armstrong garante que não foi indiciado por qualquer delito nem recebeu qualquer notificação informando-o de que é o objecto de uma investigação. O ciclista vencedor da Volta à França por sete vezes é visado por um inquérito das autoridades federais dos EUA, por suspeita de uso de fundos públicos para doping, que extravasou fronteiras para a Europa.

Armstrong foi o convidado de uma conferência realizada pelo The Texas Tribune. Questionado sobre se houve alguma acusação formal contra si de qualquer tipo, o ex-ciclista respondeu: "Não absolutamente. E já se arrasta há muito tempo", afirmou, garantindo que também não recebeu qualquer notificação informando-o de que é considerado o objecto de uma investigação. "Para mim isto começou há dez anos. Houve sempre muita conversa e muita especulação, o que penso que seja em parte por ter tido sucesso num desporto que talvez seja visto em geral como sujo", lamentou.

Para Armstrong, há uma cultura de dúvida sobre os desempenhos extraordinários, sobre os que "fizeram coisas que mais ninguém tinha feito", como Roger Federer no ténis, Michael Phelps na natação ou o recorde mundial da maratona obtido neste mês pelo queniano Geoffrey Mutai, mas que não pode ser homologado devido ao desnível de altura considerável entre a partida e a chegada da Maratona de Boston. "Há uma cultura da dúvida em geral na nossa sociedade. A comunicação social é responsável em grande parte por isso. As pessoas são suficientemente inteligentes para perceberem que este também é um negócio competitivo. Todos estão a tentar apanhar a próxima pessoa e a base da comunicação social é cada vez mais alargada", apontou, lembrando que "uma pessoa com um telemóvel e o Twitter pode agir como jornalista" e difundir rapidamente uma informação pela Internet.

Armstrong também criticou os media mais tradicionais e que continuam a servir de referência mesmo nos novos meios, como a Internet. "No que me diz respeito, está sempre a dizer que há uma investigação, a especular sobre se vai haver uma acusação. A verdade é que só fui acusado na comunicação social", vincou o ex-ciclista, considerando "preocupante a relação" entre as investigações e os media: "Pelo menos no meu caso têm sido significativas as fugas de informação. (...) Essas fugas levam à acusação na comunicação social, que depois leva à acusação nas mentes das pessoas. É uma coisa preocupante, mas é a sociedade em que vivemos agora."

O antigo colega de equipa dos portugueses José Azevedo e Sérgio Paulinho lamenta que as pessoas ainda não tenham recebido respostas às "perguntas justas" que fazem, nomeadamente o facto de a Food and Drug Administration (FDA, autoridade de segurança dos alimentos e medicamentos dos EUA) "estar a investigar a Volta à França, a alegada conduta errada no Tour, que obviamente foi em França, há dez anos". Segundo a imprensa internacional, as alegadas práticas dopantes na US Postal, que podem ter sido pagas com o dinheiro do patrocínio da empresa responsável pelos serviços postais norte-americanos, estão a ser investigadas pela FDA, a Agência Antidoping dos EUA, a Procuradoria federal e o FBI (Federal Bureau of Investigation).

De qualquer forma, Armstrong garantiu que não se vai "distrair nem desviar do essencial": a sua fundação - Lance Armstrong Foundation -, criada para combater o cancro, uma doença que o ex-ciclista teve de derrotar antes de regressar à competição e ganhar sete vezes consecutivas o Tour. Armstorng revelou que a investigação federal não o afectou enquanto atleta nem a própria fundação. Continuou a receber apoio, sem quaisquer perguntas, de figuras públicas, como a família Bush, e o patrocínio da Nike. E Lance Armstrong Foundation continua a crescer: "Sei que 2010 foi muito melhor que 2009, pois angariámos 15 milhões de dólares, e nos primeiros meses de 2011 recebemos mais 20% que no mesmo período de 2010. E isto numa altura em que muitas organizações não lucrativas não se encontram bem. Há grandes organizações que estão a perder milhões, senão centenas de milhões, por causa da economia, da disponibilidade das pessoas em darem."

O ex-ciclista mostrou estar satisfeito por a fundação ter "um grupo fiel de apoiantes": "Creio que eles reconhecem que estamos a fazer um trabalho importante, que se trata de uma doença complicada, que precisa de tempo. Os fãs têm sido grandes apoiantes a nível mundial."

Artigo Parcial
http://www.dn.pt/desporto/antidoping/interior.aspx?content_id=1838434&page=-1

Documentário “As Bicicletas de Joinville” é lançado na cidade


Na próxima semana, dia 02 de maio, segunda às 20h no Teatro do SESC Joinville, será lançado o documentário intitulado: “AS BICICLETAS DE JOINVILLE”. O documentário foi contemplado pelo edital estadual de estimulo à cultura Elisabete Anderle e tem como diretor e produtor Renato de Ávila Júnior e trilha sonora de Rafael Carlo Francisco.

Da bicicleta como elemento constituinte da identidade cultural: Apesar de se intitular “Cidade das Bicicletas”, tanto em Joinville quanto em outras cidades de descendência européia, a bicicleta tende a ser encarada apenas como meio de transporte de uma camada menos favorecida da população. Ao mesmo tempo, a bicicleta quase não aparece como tema nas ações culturais desenvolvidas na cidade. O filme promove um resgate histórico e cultural da relação entre a bicicleta e cidade, tomando como base a cidade de Joinville, desde a época das primeiras bicicletas até sua consolidação como veículo, séculos depois. A estreita relação entre a comunidade e a memória da região. O documentário divulga as ações do Museu da Bicicleta de Joinville – o único museu de bicicletas da América Latina. Esse museu, fundado em 2000 por Valter Fernandes Bustos conta com um acervo de mais de dezesseis mil peças, representando um diferencial para a cultura da cidade, do estado e do país. Atualmente o museu não possui uma sede própria.

Com duração aproximada de 70 minutos, legendas em inglês e espanhol, formato digital e o primeiro na cidade a se utilizar ta tecnologia Bluray, o filme será distribuído em formato DVD de forma gratuita, para universidades, escolas e museus cujo foco sejam as bicicletas ao redor do mundo. Após o lançamento oficial, todo o material será disponibilizado para download no site oficial: www.asbicicletasdejoinville.com.br

O quê: Lançamento do documentário: “AS BICICLETAS DE JOINVILLE”

Quando: Dia 02/05 segunda feira

Hora: 20h

Onde: Teatro do SESC Joinville I Rua Itaiópolis, 470 América Joinville SC

Quanto: gratuito

Informações: renato@edws.com.br

http://www.nossajoinville.com.br/documentario-as-bicicletas-de-joinville-e-lancado-na-cidade/

Bicicleta: o meio de transporte do futuro

A vida moderna leva cada vez mais pessoas aos centros urbanos, o que tem causado superlotação nos transportes públicos. Automóveis, que custam cada vez menos e têm cada vez mais facilidade de financiamento, também se tornam um problema das cidades hoje. O número de veículos motorizados circulando ao mesmo tempo causa, além de problemas como grandes congestionamentos e acidentes, muita poluição, tanto do ar quanto sonora. Isso trouxe uma preocupação crescente com o chamado desenvolvimento sustentável, ou seja, um modelo de desenvolvimento que usa os recursos naturais atendendo as necessidades do presente sem comprometer as necessidades das gerações futuras.

Diante deste cenário atual, ela aparece como uma das soluções e como o meio de transporte do futuro: a bicicleta. A Organização das Nações Unidas (ONU) elegeu a bicicleta como o transporte ecologicamente mais sustentável do planeta, pelo baixo impacto que causa ao ambiente, pelo porte da infra-estrutura necessária à circulação e ao estacionamento, que demanda pouco espaço, e pela ausência de ruídos e de emissão de gases poluentes. Além disso, é uma alternativa ao alcance de todas as pessoas, não importando a renda e podendo ser usada por quem tem boa saúde, desde a infância até a idade mais avançada.

Em cidades da Europa seu uso já é bastante comum. Na Suécia, um país frio, 33% de todo o deslocamento realizado na cidade de Västerãs (115 mil habitantes) é feito por bicicleta. Na Suíça, que não é um país plano, a bicicleta é utilizada em 23% dos deslocamentos na cidade de Basiléia, com 230 mil habitantes. Em Redmond, noroeste dos EUA, os ônibus urbanos têm espaço para transportar duas bicicletas, e até mesmo os paramédicos as utilizam.

A inclusão da bicicleta nos deslocamentos urbanos deve ser abordada como elemento para a implementação do conceito de mobilidade urbana sustentável como forma de redução do custo da mobilidade das pessoas, inclusão social, de redução e eliminação de agentes poluentes e melhoria da saúde da população.

Adequando-se a esta realidade e pensando no meio ambiente e no bem-estar da população, a Prefeitura de Piraquara incluiu no Projeto Novo Centro uma ciclovia pavimentada, já implantada na avenida Getúlio Vargas. Outros locais da cidade também já possuem ciclovia, como por exemplo as ruas Herbert Trapp e a Pastor Adolfo Weidmann. Porém, junto com as vias cicláveis (espaço destinado especialmente para a circulação de pessoas utilizando bicicletas), também surgem dúvidas sobre o uso da ciclovia e os direitos e deveres dos ciclistas.


Direitos e deveres no uso das ciclovias
Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, é direito de todos andar de bicicleta em qualquer rua da cidade, porém certos cuidados devem ser lembrados e respeitados, como por exemplo, usar os equipamentos de segurança (buzinas,lanternas e espelhos), pedir passagem com o aceno dos braços, circular no mesmo sentido dos outros veículos (sejam eles motorizados ou não) e transitar sempre pelo lado direito.

Outros pontos importantes a serem lembrados por quem é ciclista ou pretende ser são a manutenção da bicicleta e o respeito não só com os motoristas de automóveis, mas também com outros ciclistas. Calcula-se que de 10 a 15% das mortes de ciclistas no Brasil sejam causadas por falhas mecânicas das bicicletas, e que mais de 50% dos acidentes envolvendo bicicletas ocorrem por culpa dos próprios ciclistas.

Apesar desses dados, está comprovado que o uso adequado da bicicleta não traz somente benefícios físicos, mas também financeiros e ambientais. Além de não poluir a atmosfera, o uso da bicicleta ajuda a combater o estresse, o colesterol alto, a diabetes, e ainda traz mais resistência física para o seu condutor. O bolso de quem pedala também fica mais cheio, pois a pessoa que anda de bicicleta acaba não utilizando o transporte público ou gastando com combustível. Sendo usadas de maneira consciente, a ciclovia e a bicicleta trazem benefícios a todos que optam por sua utilização, de forma direta, ao meio ambiente, e a toda a população, mesmo de forma indireta.http://agoraparana.uol.com.br/index.php/cidade/piraquara/3606-piraquara.html


Homenagem a Renata Falzoni

Um dos símbolos do cicloativismo em São Paulo receberá Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão, na Câmara Municipal de São Paulo, em reconhecimento aos mais de 30 anos de luta pelo espaço e valorização da bicicleta como meio de transporte.

Renata Falzoni conseguiu fundir sua vida profissional com sua paixão pela bicicleta. Hoje trabalha nos canais de TV da ESPN e é bike repórter na Rádio Eldorado. Formada em arquitetura, Renata ingressou no fotojornalismo em 1979, colaborou com os principais jornais e revista do Brasil, como: Veja, Isto é, Nova, Cláudia, Placar, Play Boy, Folha de São Paulo, Estado de São Paulo entre outros.

"Desde que Renata Falzoni percebeu que unir bicicleta e mobilidade poderia trazer benefícios e soluções no deslocamento urbano, ela passou a perseguir este sonho; lutando pela inserção da bicicleta no planejamento urbano, incetivando novos usuários e levando o assunto para ser discutido publicamente e politicamente. Enfrentou preconceitos e resistências, mas continuou firme mostrando em cada conquista que era possível, viável e necessário. Sua luta é atual", diz o vereador Chico Macena, proponente da sessão solene.

O evento contará com a presença de personalidades que compartilham das mesmas bandeiras da homenageada, como o presidente da Escola de Bicicletas, Arturo Alcorta, presidente da Caloi, Eduardo Musa, diretor presidente do Instituto Ciclo BR, André Pasqualini, membro fundador da Ciclo Br, Thiago Benicchio, secretário Municipal de Esportes e Lazer, Walter Feldman, ex- vereadora, Soninha Francine, o secretário do Verde e Meio Ambiente, Eduardo Jorge, presidente da Comissão de Bicicletas da ANTP (Associação Nacional de Transportes Públicos), Reginaldo Paiva e o membro da Transporte Ativo, João Lacerda.

Bike é o transporte ideal para quem busca economia e praticidade

Bike é o transporte ideal para quem busca economia e praticidade

Conheça o "freio sapatão" para bicicletas se essa moda pega...

Em uma de suas pedaladas por ai, o Jornalista Abílio Pietramale, encontrou vários tipos de freios utilizados nas bicicletas. Mais um chamou muita atenção por não dar lucro as bicicletarias e sim as lojas de calçados. Confira agora a reportagem que será exibida sábado dia 26 entre 12:00 h e 13:00 h no Caminhos da Bike do Exportiva da Tv RIT. O Caminhos da Bike que é apresentado por Abilio Pietramale conta com a parceria da Saco Plast, Inflex, Medianeira Dourados, Gráfica Seriema, C.F.C Grand Prix, Posto Taiama, Serlinc.

Melhor brasileiro no Ironman Brasil 2010, Santiago Ascenço, volta à prova

Por Monique Barleben | 28/04/2011 - Atualizada às 07:30

Santiago tem excelente perfomance na corrida
Santiago tem excelente perfomance na corrida
Foto: Divulgação
1
Uma bronquite foi a razão para que um dos maiores triatletas do Brasil, Santiago Ascenço, entrasse para o mundo do triatlhon. Graças a esse problema de saúde, o goiano de 30 anos começou a fazer natação por orientação médica e agora segue para seu terceiro Ironmam, marcado para o próximo dia 29, no sul do país.

“Eu era ainda um menino e andava de bike como brincadeira. Mas um dia assisti a uma prova de Triatlhon na televisão e gostei. Em seguida tinha uma disputa na região que eu moro e decidi participar. Na época nem tinha noção do que era, pois tinha 13 anos”, relembra o melhor brasileiro no Ironmam Brasil do ano passado, com a terceira colocação.

Há 17 anos como profissional, Santiago garante que tentará melhorar seu desempenho em relação ao ano passado, mas que ainda assim é impossível ter vitória garantida. “Ganhar depende de uma combinação tão grande de fatores que é difícil dizer eu vou vencer, mas estou mudado um pouco os pontos falhos das edições passadas e espero que dê certo”, conta Santiago.

Para o atleta, a maior diferença este ano é o volume e intensidade nos treinamentos. “Tenho tentado fazer um fim de treino um pouco mais forte, pois percebei que no final da prova, tanto no ciclismo como na corrida, há uma queda relevante na performance, natural por se tratar de uma disputa de oito horas”, revela.

Além disso, o goiano acredita que as aulas de pilates, frequentadas por ele neste primeiro semestre, também o ajudarão na questão do fortalecimento. “Nem todos os dias faço os três esportes [natação, corrida e bike]. Na semana que eu mais treinei eu fiz 30 horas, mas no geral eu somo 24 horas. Eu prefiro optar por um trabalho mais específico”.

Os demais atletas normalmente fazem uma rodagem muito maior, mas segundo Ascenço, quando existe a diminuição no volume de treino é possível se poupar em termos de desgaste, lesões e problemas nas articulações. “Dá para ter um resultado bastante eficiente sem ter que ficar horas em cima da bicicleta, pois querendo ou não desgasta mentalmente também”, complementa.

Santiago é um triatleta com excelente performance na corrida e garante estar bem preparado para a disputa de bike. Outro fator que faz dele um dos favoritos é sua classificação no GP Extreme São Carlos (primeiro colocado), disputado no mês de março. “É sempre bom ganhar, motiva bastante, mas não pode ficar muito animado porque tem outros bons inscritos no Ironman Brasil, que para mim é o maior desafio que eu já enfrentei”, afirma.http://www.webrun.com.br/triathlon/n/melhor-brasileiro-no-ironman-br-2010-santiago-ascenco-volta-a-prova/12144

Passeio no Big Biker /São Luis do Paraitinga / SP

Participe do Big de um jeito diferente !
Imagine participar do Big Biker sem precisar estar com aquele super preparo para enfrentar a competição e ainda por cima curtir tudo o que rola dentro da prova. Essa é para você que pedala, porém não é competitivo e também não está no pique de enfrentar vários quilômetros de pedal.
Pensando nisso, o pessoal da Valeradical preparou um percurso mais curto dentro do evento que vai interagir com a competição. Está aí uma ótima dica de diversão enquanto rola a prova. Clique aqui e veja como participar
Big Biker Cup'11 - Etapa #2
15 de maio - São Luis do Paraitinga / SP
Clique aqui e inscreva-se com desconto

Cyomo - Bicicleta elétrica movida a energia solar

CYOMO Bicicleta Elétrica movida à Energia Solar


CYOMO – Bicicleta com painéis solares
A idéia do designer industrial Raymond Bessemer para a “Cyomo” foi a criação de uma bicicleta eléctrica para uso diário.

A grande novidade deste este novo conceito encontra-se no painel solar que acumula energia, para uma bateria de íon-lítio, enquanto a bicicleta esta no estacionamento.

1 etapa do Circuito XC de Favelas / Rio de Janeiro

Dia 07 de maio acontecerá a primeira etapa do Circuito XC de Favelas, com largada na Praça Saens Pena e circuito pelos morros do Turano e do Salgueiro. Com supervisão da FECIERJ, organização da Pedal 2, patrocínio da Ligth e apoio da Shimano, a prova contará com apoio e divulgação da Rede Record. Com um formato idêntico ao disputado nas Olimpíadas, a prova contará com a presença dos maiores atletas do cenário nacional, já confirmado o Tri Campeão Brasileiro, Ricardo Pscheidt, Hugo Prado Neto, Robson Ferreira, Henrique Avancini, Rubens Donizete e outros. Além disso contaremos com a equipe da Shimano e, claro, toda a equipe de MTB da Amazonas Bike. Todos os atletas foram convidados, numa prova promocional. Nas próximas etapas as inscrições serão abertas a todos.
Então você está convidado a comparecer sábado, dia 07 de maio, a partir das 8:00 horas, na Praça Saens Pena para ver os melhores atletas do Brasil num circuito inusitado e pela primeira vez na TV aberta.
Maiores informações acessem http://circuitodefavelas.com/
Contagem regressiva para o maior evento de Mountain Bike já realizado no Rio de Janeiro, faltam apenas 25 dias para “Taça Brasil de MTB XCO” evento internacional que vai deixar marcas na história do Mountain Bike brasileiro, o palco nada menos que a belíssima “Quinta da Boa Vista”, maiores informações WWW.bikebros.com.br ou WWW.fecierj.org.br.
Patrocínio – Banco do Brasil, o Banco do Ciclismo Brasileiro.
Apoio – VZAN, Amazonas Bike, BikeBros, Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro/Sub Prefeitura do Centro.
Supervisão – FECIERJ.
Não perca tempo, garanta já a sua vaga neste evento histórico...
Abs. Claudio Santos
Presidente da Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro.
Tels: (21) 8870-1833 / (21) 8448-6566 / (21) 2707-6700 / (21) 2620-6566 / Radio 120*14997

Pedal da Semana Santa - Fotos

Link com fotos de um roteiro de 3ookm que fizemos na semana Santa:

Marcelo Serelle

Agradecimentos da Creche Cantinho da Vila São Caetano


Meus queridos amigos,
Estivemos na páscoa com as crianças da Creche e a festa estava ótima, como sempre. Todos estavam muito animados e as guloseimas uma delícia, vejam nas fotos anexas a farra que foi.
Segue abaixo os agradecimento da Leny – Coordenadora da Creche.
Muito obrigado a todos e até a próxima.
Que Deus ilumine nossos corações e nos mantenha sempre no caminho do bem.
“Lembremo-nos de que o homem interior se renova sempre. A luta enriquece-o de experiência, a dor aprimora-lhe as emoções e o sacrifício tempera-lhe o caráter. O Espírito encarnado sofre constantes transformações por fora, a fim de acrisolar-se e engrandecer-se por dentro” - Chico Xavier
Um grande abraço a todos.
Angelo Sergio de Moura
Plantel - Planejamento e Técnicas de Engenharia Ltda
(31) 3222-0650
De: Creche Cantinho da Vila [mailto:cccvila@gmail.com]
Enviada em: segunda-feira, 25 de abril de 2011 14:16
Para: angelo
Assunto: agradecimentos
Aos Amigos da Creche.
Através dessa mensagem, quero lhes agradecer.
Quero que saibam que essa ajuda foi de grande valia.
E quero que saibam que pessoas tão especiais como vocês estão sempre prontas para fortalecer a união fraterna.

Eu procuro olhar dentro dos corações das pessoas, porque sabemos que é de lá que extraímos o que temos de melhor.
Obrigada pela atenção e pelo carinho dedicado.

Tudo o que fazemos pensando em ajudar ao próximo, pela própria lei da natureza, nos é devolvido em dobro.
Só entendemos direito o milagre da vida quando deixamos que o inesperado aconteça.
Que o Universo lhes cubram de bênçãos e sejam sempre muito felizes.

Muito obrigada!

Não percam domingo no Esporte Espetacular

Não percam domingo no Esporte Espetacular ao vivo o Desafio 24 horas de Pista que será realizado no Velódromo do Rio, o santista Claudio Clarindo vai tentar a quebra dos recordes Latino (770km em 24 horas) e Mundial (903km) do esloveno Marko Baloh... Vale a sua torcida por este grande atleta nacional que irá representar o Brasil na RAAM 2011... A supervisão é da FECIERJ, informações adicionais visite: WWW.aespbrasil.org / WWW.clarindo.com
10º ENCONTRO NACIONAL DE CICLOTURISMO
De 12 a 15 de Novembro de 2011
Acesse WWW.fecierj.org.br.

PROMOÇÃO GIANT / IKENFIX


Promoção especial...
Parceria IKENFIX - GIANT
Bicicleta: GIANT INNOVA - 27 VELOCIDADES - FREIO A DISCO - SUSPENÇÃO ROCK SHOX DART 3 COM TRAVA

VEJA DETALHES NO ANEXO.

mais info: http://www.ikenfix.com.br
RESERVE A SUA!

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Agradecimento especial aos amigos


Amigos do pedal.
Vocês são demais.
A alguns dias atrás enviei e-mails com um pedido especial a vocês em relação à saude de meu pai e pude descobrir como tenho amigos neste meio maravilhoso do ciclismo.
Após dias de internação, cirurgia, infecções e outros transtornos, meu querido pai nesta noite começou a reagir bem aos remédios.
Tivemos boas noícias pela manhã e a melhora é visível.
Ainda claro, aspira cuidados especiais, mas a luta está sendo vencida com a ajuda de vocês e principalmente do grande Pai lá de cima.
O poder da oração é fantástico como já disse um amigo nosso. Quando várias pessoas se juntam para algo maior, tudo automaticamente dá certo, pois a carga positiva enviada por todos é muito forte.
Então quero agradecer aos inúmeros E-mails e telefonemas que recebi de vocês e em breve meu pai estará comigo, se DEUS quiser, e eu com vocês no pedal.
AGUARDEM MAIS UM POUCO E APROVEITEM PARA TREINAR, POIS TEREMOS UMA PROVA EM JUNHO E A NOSSA TÃO ESPERADA 10 VOLTAS DA LAGOA.
ESTA TERÁ UM FORMATO DIFERENTE POIS SERÁ VOLTADA PARA OS CICLISTAS AMADORES.

A VELOCIDADE SERÁ MENOR E CONTROLADA POR MONITORES.

FRANGO

terça-feira, 26 de abril de 2011

Quer vender ou comprar?



Pedal do Frango Anúncios

Este blog é destinado à anúncios de vendas ou trocas de mercadoria de terceiros, não cabendo nenhuma responsabilidade sob o objeto anunciado.

Para anunciar, envie um e-mail para pedaldofrangoanuncios@gmail.com com os dados e fotos do objeto e contatos.

Valor:R$10,00.

O anúncio será postado após a confirmação do depósito.

www.pedaldofrangoanuncios.blogspot.com

Promoção BikeFIT



Olá amigos,
essa é a última semana da promoção para o BikeFIT !

Valor Promocional: R$ 180,00
Agora com o anexo !

Desafio Redbull No Morro

Veja como é fácil alugar uma Bike em Berlim

06/05/2010

Montadoras de luxo lançam bicicletas por até R$ 22 mil


Nos últimos dois meses, cinco montadoras de luxo lançaram bicicletas para integrar sua linha ou servir de acessório para seus carros. Audi, McLaren, Land Rover, Maserati e Mini fizeram peças com preços que vão de R$ 1.144 a R$ 22 mil.

A peça mais cara é a Venge, que foi elaborada pela McLaren em parceria com a empresa de bicicletas Specialized. Ela tem 950 g e é feita em uma só peça, para aumentar a resistência. Ela pode ser alterada de modo a alcançar altas velocidades ou ficar mais confortável para longas distâncias. O preço é de US$ 14 mil, ou aproximadamente R$ 22.036.

A mais barata é a da Mini. Com quadro dobrável, que se encaixa no porta-malas do Mini Cooper, ela deve chegar às lojas europeias em agosto custando 499 euros (R$ 1.144). A intenção da Mini é oferecer a possibilidade para que as pessoas estacionem o carro mais longe do lugar de trabalho seguindo de bicicleta no restante do percurso, evitando trânsito e busca por vagas. A bicicleta de alumínio pesa 11 kg, é equipada com oito marchas e rodas de 20 polegadas.

A Maserati lançou sua série limitada de bicicletas, comercializada pelo site da montadora. A 8CTF fez referência ao carro da marca de mesmo nome que disputou provas em Indianápolis no ano de 1940. Com 200 unidades, cada peça foi vendida por 3,6 mil euros, cerca de R$ 8,27 mil. Todo exemplar vendido virá com o nome do comprador escrito no corpo da peça e com medidas personificadas. Segundo a Maserati, o tempo de confecção é de dois meses.

A Audi fez parceria com a empresa Renovo Hardwood, que fabrica bicicletas de madeira. Segundo a empresa, as peças não são para corrida, mas sim para serem usadas em passeios leves. A peça tem três estilos, a City, mais barata (R$ 9.994), a Sport (R$ 11.568) e a Road (R$ 11.742). Das peças lançadas, a única que não tem data para ir ao mercado ou preço é a da Land Rover. A bicicleta foi desenhada pela equipe de engenheiros da marca, baseada nas linhas da Range Rover Evoque.

http://noticias.terra.com.br/interna/0,,OI5095011-EI8177,00.htmlInvertia